Tags

, , , , , , , , , , , ,

mortos-vivos_capa_bibliotecadoterror

Sinopse:

A DarkSide® desenterra mais um clássico do terror e vai direto na fonte: A Noite dos Mortos-Vivos, considerado uma das maiores obras-primas do gênero e um livro obrigatório para os fãs de The Walking Dead, Resident Evil, Orgulho e Preconceito Zumbi e tudo aquilo que englobe os carismáticos comedores de cérebros.

Se hoje os zumbis estão em alta é porque, em 1968, George Romero e John Russo se reuniram para escrever o roteiro de A Noite dos Mortos-Vivos e mudar a história do cinema. O filme revolucionou o mito sobre as criaturas que voltavam do além: as superstições vodus das velhas produções B deram lugar à epidemia de fome canibal nas ruas norte-americanas. Criaturas similares já haviam aparecido antes nas telonas, mas foi em A Noite dos Mortos-Vivos a primeira vez em que foram retratados como uma praga devoradora de carne humana.

O próprio John Russo (que também atua no clássico de 1968 como um zumbi) adaptou a história do filme neste romance que a DarkSide® traz para o Brasil. A Noite dos Mortos-Vivos inclui ainda uma surpresa para os leitores: o texto integral da sequência do clássico, que nunca chegou a ser filmada, chamada de A Volta dos Mortos-Vivos (não vai confundir com a comédia trash de 1985, que também contou com Russo no time de roteiristas). Depois de 45 anos, finalmente é publicado no Brasil o romance do filme que marcou gerações.

Título: A Noite dos Mortos Vivos 
Título original: Night of the Living Dead
Autor: John Russo
Ano: 2014
Páginas
: 320

Editora: DarkSide Books

BOM!

BOM!

Skoob | Goodreads | Submarino

Resenha:

Como sempre a DarkSide se destaca entre as demais por agradar os fãs da literatura e cinema. Acho que já falei por aqui, que amo muito a Editora e vejo que a cada livro publicado esse amor aumenta.. kkkkkkkkkkkkkkk ❤

A Noite dos Mortos Vivos, é um clássico cinematográfico, um filme trash de 1968 que aborda um tema que hoje é meio “repetitivo”, mas naquela época era algo inovador, ZUMBIS! Eu amos zumbis, séries, filmes, livros, tudo me encanta. John Russo, é um gênio e um grande escritor.

O livro é baseado no filme e diferentemente de algumas publicações da DarkSide, esse não aborda os bastidores do filme.

O livro é composto por duas histórias paralelas. A primeira delas vai contar o alastramento da doença que causou a volta dos mortos, os primeiros meses e a trama abordada. A Segunda história vai dar foco aos tempos futuros, em que a doença volta a castigar a população, entretanto, o autor irá de uma maneira bem subjetiva nos mostrar que o real perigo não são os zumbis, mas o que eles causaram na população!

A narrativa do autor é bem impactante, todos os momentos do enredo são descritos de forma atrevida, principalmente nos momentos de ação. A abordagem geral do livro vai retratar unicamente o modo de vida da população da cidade pós espalhamento da doença. Como um bom livro de zumbis, o romance não é o foco principal, mas ainda assim de forma suave ele aparecerá nas entrelinhas.

E como não poderia ser diferente, a explicação geral de como se deu o surgimento e como a mesma se apoderou da maioria dos mortos não foi completamente sanada, mas o suficiente para nos dar a chance de usarmos a nossa imaginação.

A Noite dos Mortos Vivos é um livro pra quem é fã de zumbis e gosta de ser impactado, já que o enredo é cheio de emoção e descobertas. E aí vai ficar esperando ser atacado ou vai sair correndo?… kkkkkkkkk

“Os rostos dos agressores eram rostos de defuntos. A carne estava putrefata e gotejava pus em alguns pontos. Os olhos inchados projetavam-se para fora das órbitas profundas. Tinham a pele pálida, branca como gesso. Moviam-se com dificuldade, como se a força misteriosa que os ressuscitara não tivesse feito um trabalho completo. […]” (p.37)

Anúncios