4 Estrelas, Editora Novo Conceito, Resenhas

Resenha: Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor – Sarah Butler

Dez-Coisas-Que-Aprendi-Sobre-O-Amor-Sarah-Butler-Novo-Conceito-MLNET

Sinopse: 

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

Título: Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor 
Título original: Ten Things I’ve Learnt About Love
Autor: Sarah Butler
Ano: 2015
Páginas
: 256

Editora: Novo Conceito

Livro cedido através da parceria com a editora

BOM!
BOM!

Skoob | Goodreads | Submarino

Resenha:

A história é narrada sob o ponto de vista de Alice e Daniel, onde conhecemos suas frustrações, seus anseios. Nossa personagem (Alice) tem 30 anos e tem dificuldades em se abrir com as irmãs, principalmente com o pai. Carrega a culpa por algo que não cometeu, e acha que o pai e as irmãs não a amam.

Daniel me comoveu com sua história de vida, por ser um sem teto, mendigo, vagando por Londres e assim como Alice, escreve a maioria das suas dez coisas, porém pensando na filha que nunca conheceu.

“Você não pode sentir saudade de alguém que nunca conheceu. Mas sinto saudade de você.” – Daniel

Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor, fala principalmente sobre o amor. Amor fraternal, familiar.

Os capítulos são intercalados pela segurança da autora que conseguiu conectar seus personagens a ponto de você os compreender. Mas, devo deixar claro, que assim como qualquer outro livro, Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor possui seus pontos positivos e negativos, como os exageros dos detalhes, tornando o livro meio maçante. Os momentos mais interessantes eram os de Daniel contando sua história de vida.

Sarah Butler tem uma escrita delicada, um pouco poética. Os personagens são bem construídos e a trama, muito bem desenvolvida.

Veja minha lista sobre “Dez coisas que sei sobre o amor”

Editora Illuminare

Editora Illuminare Convida…

faking-it

Olá meus nerds!

Vamos marcar para sempre o Natal de 2015?

Escreva seu conto e/ou poesia sobre o Natal: uma esperança, um amor, uma lembrança de um Natal passado, ou mesmo uma revolta, uma saudade. Expresse-se seu sentimento natalino em prosa e verso.

Não gosta do Natal? Isso também é um sentimento relativo ao natal. EXPRESSE-SE, deixe eternizado esse sentimento: diga ao mundo o que significa o Natal para você! 

A Editora Illuminare, estará lançando um livro internacional – vão receber todos os textos em português e traduzi-los para o espanhol – assim o livro terá muito mais alcance pois estarão divulgando-o também em Buenos Aires e em Santiago do Chile em feiras literárias.

PARTICIPE! DESPERTE SEU TALENTO LITERÁRIO!

Natal em Prosa e Verso – Edição Internacional
Informações: antologiasbrasileiras2014@gmail.com
SELEÇÃO: 30 DE SETEMBRO A 30 DE OUTUBRO
Edital: http://www.editorailluminare.com.br/proximasantologias.html
Obedeceremos ao prazo de seleção para podermos estar com os livros em mãos no dia do Natal, um ótimo presente a amigos e parentes…
Antologias Brasileiras: destacando novos talentos da literatura brasileira.

Editora Illuminare: destacando novos talentos da literatura.
Editora Draco, Eventos

Eventos: Editora Draco | Sábado Boy’s Love

faking-it

Olá meus nerds!

Então, especialmente para a galera de São Paulo, hoje tem um evento da Draco na Comix Book Shop (pertinho da estação Consolação do metrô!) a partir das 13 horas e, claro, todos estão convidadíssimos! \o/

Lá terá a presença de autores da série Boy’s LoveDana Guedes, Karen Alvares, Claudia Dugim, Fabio Baptista e Agatha Yukari. Todas as informações, horários e endereço vocês encontram no post do blog da Draco: http://blog.editoradraco.com/2015/09/sabado-de-boys-love-na-comix-book-shop/

Autores Parceiros, Parceiro

Parceiros: Jéssica do Nascimento | Incipiens

faking-it

Olá meus nerds!

Mais uma vez estou aqui para anunciar uma nova parceria, dessa vez não menos importante, a autora nacional do livro Incipiens – Iniciante, Jéssica do Nascimento. Seu primeiro livro, citado acima, foi lançado, na Bienal do Rio e é o primeiro da série intitulada, Saga Audax.

Nós, do Nerd Book’s, estamos muito felizes por essa parceria, pois apoiamos bastante os autores nacionais contemporâneos. Sabemos o quanto os autores estrangeiros são valorizados e não percebemos que nós também temos  grandes talentos no nosso próprio país.   

Quer saber mais sobre livro? Veja a sinopse:

E se você fosse transportado para outro mundo e com isso descobrisse que é uma bruxa, talvez a ultima que ainda exista em um mundo? Bem, é isso o que aconteceu com Alice.

Ela é uma órfã, que foi deixada a porta de um orfanato com poucos dias de vida. Mas, é transportada a um lugar extraordinário onde dragões, fadas, elfos e outras criaturas mágicas são reais. Onde um tirânico Rei que usurpou os poderes de outros bruxos governa o reino com mão de ferro. A jovem descobrirá uma força que ela jamais imaginou possuir.

* Fanpage oficial da Saga Audax – clique aqui.
* Perfil da autora no Facebook – clique aqui.
* Canal do YouTube da Jéssica Nascimento – clique aqui
* Blog oficial da autora sobre Incipiens – clique aqui.

Confira o Book Trailer:

A autora vai fazer um Book Tour entre blogs literários e caso você esteja interessado, click aqui. O prazo para a inscrição vai até o dia 1º de outubro.

4 Estrelas, Editora Novo Conceito, Resenhas

Resenha: Prometo Falhar – Pedro Chagas

prometo-falhar_capa_1

Sinopse:

Prometo Falhar é um livro que fala de amor. O amor dos amantes, o amor dos amigos, o amor da mãe pelo filho, do filho pela mãe, pelo pai, o amor que abala, que toca, que arrebata, que emociona, que descobre e encobre, que fere e cura, que prende e liberta. Em crônicas desconcertantes, Pedro convida o leitor a revisitar suas próprias impressões sobre os relacionamentos humanos. A linguagem fluida, livre, sem amarras, faz querer ler tudo de uma vez e depois ligar para o autor para terminar a conversa . Medo, frustração, inveja, ciúme e todos os sentimentos que nos ensinaram a sufocar são expostos sem pudores. Mergulhe de cabeça numa obra que mostra que é possível sair ileso de tudo, menos do amor. Você escolhe a ordem em que vai ler as crônicas do jovem escritor que tem 21 obras publicadas e é sucesso de vendas em Portugal.

Título: Prometo Falhar 
Título original: –
Autor: Pedro Chagas Freitas 
Ano: 2015
Páginas
: 400

Editora: Novo Conceito

Livro cedido através da parceria com a editora

Skoob | Goodreads | Submarino

Resenha:

Em Prometo Falhar, a leitura não tem ordem e nenhuma história é definida, apenas palavras soltas. Pedro Chagas, descreve com sua própria visão crítica algumas situações de fatos como se estivesse estabelecendo um diálogo. Prometo Falhar, é uma obra mais poética e lírica.

“Prometi nunca gostar de alguém como gosto de você e nem assim me sinto incoerente, ou talvez sinta e a coisa mais bela do mundo seja a incoerência, fazer agora o que não seria capaz de fazer antes, toda a razão está sobrevalorizada, pois se o que nos faz feliz raramente tem qualquer motivo por que haveríamos de colocar a razão acima de tudo?”

É um livro para inspirar. É como aqueles que compramos para abrir em uma página aleatória e ler uma mensagem diária.

“O amor acontece, quando desistimos de ser perfeitos.”

Eu criei muita expectativa devido a enorme divulgação criada pela Editora Novo Conceito, no entanto o livro não chamou tanto a minha atenção. Não estou dizendo que é ruim, mas não é o tipo de livro que chamo de favorito. Não faz muito o meu gênero, mas para os fãs do estilo é uma ótima pedida.

BOM!
BOM!
5 Estrelas, Editora Novo Conceito, Resenhas

Resenha: Eu te Darei o Sol – Jandy Nelson

eu-te-darei-o-sol_capa_1

Sinopse:

Eu te darei o sol – Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia.

Mal-entendidos, ciúmes e uma perda trágica os separaram definitivamente. Trilhando caminhos distintos e vivendo no mesmo espaço, ambos lutam contra dilemas que não têm coragem de revelar a ninguém.

Contado em perspectivas e tempos diferentes, EU TE DAREI O SOL é o livro mais desconcertante de Jandy Nelson. As pessoas mais próximas de nós são as que mais têm o poder de nos machucar.

Título: Eu te Darei o Sol 
Título original: I’ll Give you the Sun
Autor: Jandy Nelson
Ano: 2015
Páginas
: 384

Editora: Novo Conceito

Livro cedido através da parceria com a editora

Skoob | Goodreads

Resenha:

Eu te Darei o Sol é aquele livro que te conquista pela capa.

O livro é narrado pelo ponto de vista dos gêmeos Noah e Jude em tempos e formas diferentes.

Noah, aos 13 anos, expõe seus sentimentos através de desenhos muito bem elaborados. Desde muito novo já demonstra ser um grande artista e sua mente é uma confusão de traços e cores. Seus desenhos fazem com que sua mãe sinta muito orgulho e geram inveja na irmã. Se descobrindo, Noah não possui amigos e acaba vivendo para a arte e para o sonho de fazer parte de uma famosa escola de artes. Mas, com a chegada do novo vizinho, começa a descobrir como é estar apaixonado.

Jude por sua vez, aos 16 anos, é popular, surfa e tem uma “turma” que a idolatra, conhecemos também uma menina cheia de mágoas e arrependimentos. Após a morte de sua avó, a pessoa que mais a amava, deixa para sua neta um livro de superstições. Ela não tem o talento para o desenho como o irmão, pelo contrário, ela faz esculturas, mas não acredita do que é capaz de fazer. É insegura.

Chega um ponto em que percebemos que a disputa por atenção dos irmãos machucam não só eles, mas todos que os rodeiam. Porém, quando um grave acidente acontece, abalando as estruturas da família, é que acontece um maior declínio na vida dos irmãos. E a dor que deveria uni-los, acaba separando-os ainda mais.

Em meio a toda a tragédia, Jude e Noah não perderam somente um ente querido, mas o encanto pela vida e pela arte. Tornaram-se pessoas vazias e solitárias. 

O livro aborda um assunto pouco discutido, a família. Jandy Nelson com sua simplicidade nos ensina a construir nossos sonhos, onde é necessário de cuidado para chegarmos à algo satisfatório. Eu te Darei o Sol, nos faz compreender que a vida é muito curta para perdemos tempo com os outros, com opiniões vazias.

Amei o livro, estava muito ansioso para lê-lo. E, já fiquei sabendo que a Warner Bros adquiriu os direitos da adaptação cinematográfica… ❤

Assista ao book trailer:

MUITO BOM!
MUITO BOM!
5 Estrelas, Editora Novo Conceito, Resenhas

Resenha: Fragmentados – Neal Shusterman

fragmentados_capa_1

Sinopse: Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria. Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe. O vencedor do Boston Globe-Horn Book Award, Neal Shusterman, desafia as ideias dos leitores sobre a vida: não apenas sobre onde ela começa e termina, mas sobre o que realmente significa estar vivo.

Título: Fragmentados 
Título original: Unwind
Autor: Neal Shusternam
Ano: 2015
Páginas
: 368

Editora: Novo Conceito

Skoob | Goodreads

Resenha:

O livro é narrado sob vários pontos de vistas. O mesmo fundo, porém contando a concepção de cada um. O que de fato nos aproxima da história e dos personagens. Três garotos totalmente diferentes, mas com um único destino: a fragmentação.

Continue lendo “Resenha: Fragmentados – Neal Shusterman”